Seria uma nova era?

A CBF começa a dar sinais que pode liberar a organização do Campeonato Brasileiro para os Clubes. Além disso, Ricardo Texeira (que nunca larga o cargo) sinalizou apoio ao ex-presidente do Flamengo, Kléber Leite (que tem uma agência de marketing que presta serviços à CBF), para ser presidente do Clube dos 13.

A fonte da notícia pode ser lida aqui. E fica a questão no ar: Seria uma nova era de "contagem de títulos"?

Teve a CBD, que a CBF ignora como títulos Brasileiros.
Tem a da CBF.
E pode ter uma nova contagem, onde somente campeonatos organizados pelos Clubes seriam contados. Entra em pauta 1987 e 2000, seriam considerados?

É aquela velha palhaçada que trago à tona novamente, porque não agilizam uma coisa tão simples, a unificação dos títulos Brasileiros? É tudo a mesma coisa, porque tanta demora? Porque aquele movimento a partir de Santos, Botafogo, Palmeiras, Fluminense, Bahia e Cruzeiro, morreu?

É, o octa campeão aqui, ainda é chamado de tetra. Enquanto o penta campeão ali é chamado de hexa.

Um Comentário até agora.

  1. ainda prefiro deixar os titulos do jeito q tao

Adicionar novo comentário

Devido a comentários sem educação, aguarde a moderação