Vamos caçar veados!

A moda da vez é lançar um vídeo do Belluzzo de "muito" tempo atrás e apedrejar o Presidente do Palmeiras. A propósito, é do Palmeiras, vamos atirar de todos os lados e não deixá-lo nem assumir depois da pena branda de 270 dias.

Insinuações como vergonha, infeliz, entre outros, o linguajar de torcedor do Belluzzo é levado a sério igual as malas brancas, erros de arbitragens e etc. No GloboEsporte, dizem que a frase do Belluzzo é "supostamente com o sentido de eliminar o rival da disputa pelo título do Campeonato Brasileiro. "

VÃO DISTORCER OS FATOS ASSIM NA CASA DO...

Mais uma pra cima do Belluzzo. Apareceu hoje um vídeo onde o presidente do Palmeiras está em uma festa da Mancha gritando “vamos matar os bambis”. Foi o estopim (mais um) para a imprensa conclamar a “Marcha da Família com Deus pela Liberdade II”.

Como não existe contexto para a imprensa, vamos ajudar a contar a verdade dos fatos. Belluzzo, na verdade, é um exímio caçador. Foi convidado para a reunião anual dos caçadores de veados e resolveu bradar o grito de guerra da entidade.

Entenderam ? Afinal, um dia é da caça e o outro da pesca.


E termino o post com a resposta do Belluzzo.
"Foi uma brincadeira. Aquilo é linguagem de torcedor e de jogador. Dizer "matar" significa atropelar, vencer. O que acontece é um processo de emburrecimento das pessoas. Não é possível que levem uma coisa dessas tão a sério assim. Era uma festa de escola de samba, onde eu estava com a minha filha e os meus amigos. Não tem nenhuma conotação de matar."

5 Comentários até agora.

  1. fran escreveu:

    Grande Fernando...

    Teus posts tem ficado cada vez melhores.

    Esse em especial do Belluzzo está muito bom. Impressionante como tudo o que leva o nome do Palmeiras não possui boa conotação, sempre levam para o lado negativo.

  2. porcopedia escreveu:

    Fernando, valeu pela citação do meu post.
    Belluzzo falou em emburrecimento contemporâneo. Acho que os jornalistas não são burros, eles simplesmente manipulam a opinião dos incautos. Os especialistas pinçam a frase do Belluzzo, a tiram de todo o contexto e a jogam no ar. Depois posam de defensores da moralidade.
    Não dá pra levar essa gente a sério.
    abs

  3. Irineu Curtulo escreveu:

    Bom dia!
    O problema não está na impren$a, que sempre nos tratou como "italianinhos", mas na maneira como respondemos a essas perseguições. Direito de rsposta é a maneira mais imbecíl de colaborar com a polêmica, e todos sabemos que, "bater em bêbado é covardia, ou no mínimo falta de bom senso", pois é. Se nos qialificam como bêbados, e sabemos que o são, mostremos a eles que somos, realmente esse "bêbado". Tratemos, internamente, os nossos problemas, e excluamos de vez a impren$a do nosso mapa. Deixemos que publiquem as nossas "crises". O desprezo ainda é uma das maneiras mais fulminantes de atingir o alvo. Repito, responder só colabora com a polêmica, e não acrescenta em nada. Nossos blogs deveriam tratar apenas de assuntos conhecidos pelos autores; comentar notícias montadas, incitar ódio eterno aos bambis, reclamar de arbitragens, STJD, isso não resolve o nosso problema. Lutemos, pois, por ingressos mais baratos; cobremos, pois, contratações mais bem pensadas; colaboremos, pois, com sugestões simplistas à nossa diretoria; enfim, que se danem os tais jornalistas vendidos, pois eles sempre serão vendidos, independente de nossos argumentos, então que vão à merda todos esses veados e viados... entendeu?

  4. Irineu Curtulo escreveu:

    Leiam esse texto.

    http://blogdaclorofila.sopalmeiras.com/2009/11/ei-imprena-vai-t-n-c/#respond

    Sugestão para as torcidas organizadas, façam um mosaico mandando a imprensa tomar no c

Adicionar novo comentário

Devido a comentários sem educação, aguarde a moderação