Palavra de honra


A declaração de Luxemburgo é um tanto quanto curiosa.

Nos dias de hoje, onde poucos são homens o bastante para dar a palavra, li que Keirrison e Luxemburgo tem um acerto (palavra) para que o atacante fique, no mínimo, até o meio de 2010.

"Já falei que no caso do Keirrison existe um acerto pessoal com o empresário dele e o J.Hawilla, de que ele não vai ser vendido agora. Só no meio do ano que vem."

Não vou duvidar aqui da palavra de ninguém, mas o fato é que esse tipo de projeção é errado. Enquanto a imprensa aperta aqui, jogando o atacante para fora, o treinador solta lá, dizendo que só "vai ser vendido no meio do ano que vem".

Estão parecendo videntes.
Me emprestem a bola de cristal.

Adicionar novo comentário

Devido a comentários sem educação, aguarde a moderação