Principais palavras


Na minha opinião.

Luxemburgo sobre Keirrison: "O que está acontecendo com o Keirrison não é diferente do que houve com o Kaká no São Paulo ou com outros jogadores que começaram a crescer. Ele está sendo questionado, passando por sobe e desce... É um jogador tão jovem que chegou ao Palmeiras e está brigando por artilharia. Agora, ele vem sofrendo marcação mais forte"

"Ele está muito bem e a tendência é passar por esse momento de dificuldade. Não posso execrá-lo pelo momento. Preciso falar para ele que as pancadas vão acontecer e o futebol não é só bonito com propostas do Real Madrid, Barcelona..."



Apoio do Presidente Belluzzo (parabéns Presidente): "Vim até o treino para manifestar apoio irrestrito ao grupo e aos membros da comissão técnica. O Palmeiras está realizando um trabalho sério e vamos dar sequência no nosso projeto, independente do que acontecer"

"Não pode ter desespero. O sofrimento de ser eliminado em casa é grande, mas não podemos agir somente com a emoção. Quando vencemos o Sport, em Recife, era tudo uma maravilha. Agora, parece que nada mais presta."

"A gente sabe o quanto é difícil. Não quero ficar criando ilusões, mas enquanto a equipe tiver chances de conseguir a classificação, devemos continuar acreditando e incentivando. E, caso não aconteça de avançarmos, temos que agir com racionalidade"



Diego Souza sobre o episódio: "As imagens valem mais do que mil palavras e mostram que o Domingos só entrou para me provocar. Além disso, eu sequer encostei nele. Nós estávamos conversando quando o Sálvio veio e me expulsou. Na hora, me revoltei porque, mais uma vez, estava sendo expulso injustamente"

"Assim que o Domingos entrou, o Vágner, me chamou na lateral do campo e afirmou se eu seria home o suficiente de dar uma cotovelada no Domingos. Foi tudo premeditado."

"Coloquei a integridade dos meus companheiros em risco e peço perdão por isso. E peço desculpas à torcida, pois minha única intenção era honrar a camisa do Palmeiras da melhor maneira possível. Não posso ficar arrependido, pois fui expulso injustamente, sem ter feito nada. O Sálvio precisa falar alguma coisa, pois deve ter algo contra mim"



Luxemburgo sobre o elenco: "O Palmeiras montou um time novo este ano e, desde o início, eu sempre disse que seríamos fortes e favoritos para o Brasileiro. Não era desculpa. Era realidade. Esse grupo é bom, tem comprometimento e vai dar o que falar. Mas é preciso paciência"

"É um time jovem, que encarou jogos decisivos num curto espaço de tempo. Mesmo com a eliminação, superamos limites e em nenhum momento nos entregamos ou deixamos de acreditar. Que é necessário alguns ajustes, isso nós sabemos. Mas não é hora de dizer que está tudo acabado"

"O Santos fez dois grandes jogos e teve méritos. Foi superior e mereceu a classificação. Só não precisava ter aquilo no final do jogo. O Diego Souza não fez nada para ter sido expulso. As imagens são claras. Se depois ele tomou atitude errada ao agredir o Domingos, foi por desabafo por algo que não cometeu."

Adicionar novo comentário

Devido a comentários sem educação, aguarde a moderação