Para calar a gambazada!

Aos galinhas, que afirmam que NUNCA na Série B, houve um time tão superior... E tantas outras lorotas, saiu uma notícia:

Aproveitamento do Corinthians é inferior ao do Palmeiras de 2003

Apesar da larga vantagem na liderança, o Corinthians não vai concretizar a melhor campanha da Série B na década se mantiver o desempenho atual. Seu aproveitamento atual é inferior ao do rival Palmeiras, em 2003.

Naquele ano, o time de Parque Antarctica obteve 74,3% dos pontos -foram 78 em 35 jogos. A Série B foi disputada com dois quadrangulares finais, e o Palmeiras liderou todas as fases.

Na atual temporada, o Corinthians tem 72% de aproveitamento, com 67 pontos em 31 partidas. Com sete partidas a jogar, o time ainda pode superar o rival.

Os palmeirenses acabaram o campeonato com uma vantagem mais larga sobre o segundo colocado do que os corintianos no momento. Foram 19 pontos ou 18% de aproveitamento de pontos sobre o Botafogo. Até agora, Corinthians tem 11 pontos e 12% sobre o Avaí.

Em 2008, o Corinthians investiu pesado, com contratações caras como Douglas, Morais, André Santos e Acosta e Mano Menezes. Em 2003, o Palmeiras mesclou jovens da base, Vágner Love e Diego Souza, com atletas baratos do São Caetano -Magrão e Adãozinho.

Fora o rival, o Corinthians realiza melhor campanha da década na Série B, superando os campeões Atlético-MG, Grêmio e Coritiba.

Fonte: Esporte UOL


Além do mais, em 2003, o Palmeiras enfrentou uma Série B muito mais disputada. Tinham times mais fortes, como: Botafogo, Sport, Portuguesa e Náutico. Hoje na Série A.


É gambazada! Derrota até na Série B. Faz parte da história mesmo.

Um Comentário até agora.

  1. Anônimo escreveu:

    Esse Love jogou muito no Verdão hein... pena que foi vendido contra sua vontade para o CSKA, dai na vontade de voltar pro Brasil acabou fazendo aquela cagada de quase jogar nos gambá... mas num duvido que ele possa voltar a jogar no Verde um dia.
    De qualquer forma já ajudou muito nosso Verdão em um dos momentos mais delicados de sua história.

Adicionar novo comentário

Devido a comentários sem educação, aguarde a moderação